Um mexicano que esteve no show realizado pelo Ghost no começo do mês foi a primeira vítima fatal do vírus registrada no país.

Seu nome não foi divulgado, só se sabe que ele estava com 41 anos de idade, sofria de diabetes e esteve internado por cinco dias antes de falecer. A suspeita, inclusive confirmada pela viúva, é que ele teria contraído a doença na apresentação realizada no dia 3 de março para 50 mil pessoas, e dentre os 300 casos suspeitos registrados no país há outra pessoa que também estava no show.

 

Fonte: Whiplash