O vocalista do Helloween, Andi Deris, bateu um papo com o site Metal Shock Finland, e na longa conversa o músico falou sobre a reunião com os antigos membros do Helloween: Michael Kiske e Kai Hansen; a turnê Pumpkins United World Tour; o novo disco de estúdio e ainda sobre tempo para comentar sobre a não participação dos ex-integrantes Roland Grapow (guitarra) e Uli Kusch na citada turnê.

“Honestamente, nós nunca fizemos segredo sobre isso. Eles tiveram que sair porque eles traíram a banda. Isso é triste, mas essa é a verdade. E eu não gostaria de estar no palco com algumas abóboras podres, se você me entende. Eles provaram que não são legais, eles estavam começando fazer intrigas e traíram a banda naquela época. Com isso, tiveram que sair, porque a confiança se foi. E por que eu convidaria vegetais podres para o palco, então sinto muito.

“Doeu muito, porque Roland supostamente era um amigo meu, e eu realmente acreditava que ele era. Para mim, foi como se o mundo estivesse se desfazendo, quando eu percebi que ele traiu a banda e ele me traiu. Então, por que eu convidaria pessoas que tiveram que sair da banda porque elas não eram boas abóboras”, comentou Andi Deris sobre a não participação de Grapow e Kusch na umpkins United World Tour.

 

Fonte: RockBizz