O baixista Steve Harris disse, em entrevista ao Buffalo News, que sente orgulho dos filhos, Lauren e George Harris, por tê-los abrindo os shows do Iron Maiden. Lauren Harris, em carreira solo, tocava antes da banda nas turnês “Somewhere Back in Time” e “The Final Frontier”. Por sua vez, George se apresenta com sua banda, o The Raven Age, no início das noites da “Legacy of the Beast Tour”.

“Tenho orgulho deles. É um show difícil, porque os fãs do Maiden são muito leais. Eu apenas digo a eles para não se preocuparem com isso. Geralmente, a banda de abertura oferece diversão. É assim que são as coisas: vá lá e faça o que precisa ser feito. E eles fizeram”, afirmou o baixista.

Em seguida, Steve Harris fez elogios ao The Raven Age. “A banda de George está tão boa. O novo álbum é fantástico. Eles são muito melódicos. Espero que tenham conseguido isso de mim (risos). É disso que mais me orgulho”, disse, em menção ao disco “Conspiracy”, lançado neste ano.

Em entrevista anterior à Kerrang!, George Harris admitiu que a maior parte das pessoas só se familiariza com o The Rave Age devido à conexão com o Iron Age. “Sei que as pessoas pensam: ‘pelo amor de Deus, eles só estão conseguindo isso por causa daquilo’. Tenho apenas que ignorar isso, porque a oportunidade é grande demais para não fazermos isso. Após a turnê de 2016, eu disse que precisávamos nos dissociar do Maiden, mas essa turnê veio e recusá-la seria estupidez. Vamos ter que trabalhar muito e provar nossa longevidade. Espero que, caso as pessoas gostem, ignorem os laços familiares”, disse.

 

Fonte: Whiplash