Bob Dylan acusado de assédio sexual em novo processo

Bob Dylan acusado de assédio sexual em novo processo

Uma mulher processou o ícone contracultural dos anos 1960 Bob Dylan por supostos casos de abuso sexual de uma menor que ela alega ter ocorrido há mais de 50 anos, de acordo com o TMZ, que obteve uma cópia do recente processo.

O tabloide informou nesta segunda-feira 16/08 que o processo acusa Dylan, cantor e compositor de 80 anos cujo nome verdadeiro é Robert Zimmerman, de aliciamento sexual e, posteriormente, abusar da acusadora em 1965, quando ela tinha 12 anos. O famoso músico de folk e rock completou 24 anos em 1965.


A acusadora, que agora vive em Connecticut, afirma que o suposto abuso ocorreu no famoso Hotel Chelsea de Nova York - um destino conhecido pelos fãs de Dylan como o local de nascimento de várias de suas músicas - depois que o cantor lhe forneceu álcool e drogas.

O processo acusa Dylan de abusar da garota várias vezes em abril e maio de 1965, alegando também que ele ameaçou violência contra ela a fim de realizar o abuso. (De acordo com uma cronologia de concertos disponível no site oficial de Dylan, o músico estava em turnê na Inglaterra em abril e maio de 1965). A acusadora diz que ela sofreu de depressão, ansiedade e humilhação como resultado do suposto abuso.

Ela está processando Dylan por agressão, infligir sofrimento emocional e cativeiro privado, pedindo também danos não especificados. Como relatado pelo USA Today, um representante de Dylan disse que a "reivindicação de 56 anos é falsa e será defendida vigorosamente".

A CNN notou que o processo foi aberto um dia antes da Lei de Vítimas Infantis de Nova York expirar em 14 de agosto. Um advogado da acusadora, identificada como J.C. no processo e agora com 68 anos, disse que a ação foi movida de acordo com o ato, e que lhe deu "oportunidade de buscar reparação".

Esse advogado, Daniel Isaacs, acrescentou: "A denúncia fala por si só. Provaremos todas as alegações em um tribunal. A queixa foi apresentada depois de muita pesquisa e verificação minuciosa e não há dúvida de que ela estava com ele no Hotel Chelsea."

Bob Dylan começou sua carreira na Nova York dos anos 1960 e, em 1965, lançou dois álbuns agora amplamente considerados clássicos do folk rock, Bringing It All Back Home e Highway 61 Revisited. No mesmo ano, o cantor fez história no rock 'n' roll ao "deixar o acústico" no Newport Folk Festival.