Skip to Content

Category Archives: Notícias Variadas

Viola Smith, a baterista mais rápida do mundo, morre aos 107 anos

Viola Smith, uma baterista pioneira e original “hep girl” da era do swing e das big band, morreu na quarta-feira em Costa Mesa, Califórnia. Ela tinha 107 anos.

Promovida na década de 1930 como a “baterista feminina mais rápida do mundo” e reconhecida por abrir um caminho para as mulheres no que era uma reserva masculina, Smith sentou-se atrás de uma bateria gigante que incluía um bumbo duplo, um instrumento que viria anos depois tornar-se uma ferramenta para bateristas de rock contundentes.

Smith começou a tocar bateria ainda adolescente em Wisconsin, quando seu pai montou a Schmitz Sisters Family Orchestra com suas oito filhas. Seu showcase foi The Snake Charmer, um arabesco jazzístico com baterias explosivas.

 “Éramos dez, oito estavam na orquestra”, disse Smith à DrumTalkTV em 2017. “Todos tocávamos piano, tínhamos dois pianos e um órgão em casa, meus dois irmãos estavam praticando piano e ouviram meu pai dizer que ele teria uma orquestra só de garotas.”

“Bem, quando eles ouviram isso, foi o fim da prática [para eles], nada mais de piano a partir de então!” Por ser a sexta filha da família, disse ela, suas irmãs mais velhas pegaram as cordas e os metais.

“Meu pai disse: ‘Agora, precisamos de um baterista!’ Graças a Deus, fui eu. ”

A banda tocou nos cinemas durante as férias escolares. Smith teve aulas com bateristas no fosso da orquestra. A banda logo se viu requisitada para casamentos e feiras estaduais. Em 1938, Smith formou outra orquestra feminina, The Coquettes, com sua irmã baixista Mildred. A banda mudou-se para Nova York em 1942, onde Smith estudou com o lendário inovador de tarola Billy Gladstone.

No mesmo ano, enquanto os homens eram convocados para a guerra e as mulheres ocupavam seus lugares nas fábricas, Viola escreveu um artigo agora famoso para a revista Down Beat, defendendo a inclusão das mulheres nas big bands da época.

 

“Muitos dos instrumentistas famosos de grandes bandas estão sendo escolhidos”, escreveu ela, sob o título Give Girl Musicians A Break! “Em vez de substituí-los por um talento que pode ser medíocre, por que não deixar algumas das grandes moças músicas do país tomarem seus lugares?

“Nós, meninas, temos tanta resistência quanto os homens. Há muitas trompetistas, saxofonistas e bateristas femininas que podem suportar a rotina de longas turnês e encontros exatos de uma noite. As meninas de hoje não são criaturas indefesas de gerações anteriores.

“Algumas meninas músicos que são tanto mestres em seus instrumentos quanto músicos homens. Eles podem improvisar; seus solos são bem definidos, instigantes e mostram imaginação ilimitada. ” Smith concluiu o que foi efetivamente um manifesto com uma instrução provocativa aos líderes de banda: “Pensem bem, rapazes”.

 

Após 15 anos na estrada, Smith ganhou uma bolsa de estudos de verão para estudar tímpanos na Juilliard School em Nova York. Ela continuou a se apresentar, como um membro da orquestra de Phil Spitalny só para meninas Hour Of Charm e mais tarde como um membro do quarteto de jazz Kit Kat Band apresentado no musical Cabaret, na Broadway.

“Uma coisa sempre leva a outra”, disse Smith a Tom Tom, uma revista sobre bateristas, em 2013. “Foi tudo muito fácil, as transições, não havia grande coisa com que eu tivesse que me preocupar… Eu realmente tive uma vida charmosa. A menos que as pessoas chamem trabalho de bateria. Depois trabalhei muito na minha vida.”

 

REDAÇÃO LED FM

Boulos e Erundina virão integrantes do Iron Maiden em montagem

A candidata à Prefeitura de São Paulo Luiza Erundina, compartilhou com seus seguidores no instagram uma imagem um tanto quanto inusitada. Em campanha eleitoral, Luiza Erundina e Guilherme Boulos aparecem como integrantes da banda Iron Maiden. Sim, é isso mesmo que vc leu.

Na montagem, o nome Iron Maiden é substituído por “Iron Dina” e ainda é possível encontrar a frase “50: The Number da Virada”

“Chegou o som pesadão, o som radical, pra mexer com o povo! Up the Iron Dina pra virar o jogo!”, escreveu a candidata na legenda da publicação.

Confira abaixo a publicação feita no Instagram da Erundina:

 

 

REDAÇÃO LED FM

 

Polícia encontra supostas músicas inéditas de ex-líder do grupo Legião Urbana

Um homem foi preso nesta segunda (26) pela Polícia Civil do Rio por supostamente comercializar músicas inéditas de Renato Russo, líder da Legião Urbana, uma das bandas mais conhecidas do rock nacional. A prisão ocorreu após cerca de um ano de investigações.

Policiais da DRCPIM (Delegacia de Repressão aos Crimes Contra Propriedade Imaterial) cumpriram mandados de busca e apreensão em alguns endereços da capital carioca. O objetivo da ação foi identificar eventuais obras inéditas do cantor e compositor, morto em 11 outubro 1996, em complicações decorrentes da Aids, aos 36 anos.

O principal alvo da polícia carioca foi um estúdio usado pelo artista em seus últimos anos de vida, de acordo com a investigação. No local, estariam escondidas cerca de 30 composições inéditas de Renato Russo, comercializadas ilegalmente, segundo denúncia feita pelo filho do artista, Giuliano Manfredini.

O filho de Renato encontrou na internet um perfil oferecendo músicas inéditas do pai, do qual o jovem detém os direitos autorais. Ele acionou a polícia, que deu início à investigação.

Chamada de “Será”, alusão a um dos grandes sucessos cantados por Renato Russo, a operação apreendeu ainda computadores e arquivos, que serão avaliados.

A defesa do responsável pelo estúdio não havia sido localizada até a publicação desta reportagem. .

Morto em 1996, Renato Manfredini Júnior fundou a Legião Urbana, uma das principais bandas surgidas na década de 1980, além de ter tido carreira solo e músicas gravadas por diversos artistas.

 

REDAÇÃO LED FM

Família de B.B. King produzirá cinebiografia oficial do músico

Um filme biográfico de BB King entrará na fase de pré-produção em 2021.

Vassal Benford, presidente do espólio de King, confirmou a notícia à Variety e explicou que o recentemente anunciado The Thrill Is On é um projeto separado. “The Thrill Is On” focará na amizade entre King e o baterista Michael Zanetis.

A confusão entre os projetos começou na segunda-feira, quando o ex-aluno de “The Wire” Wendell Pierce disse no Twitter que estava “honrado” por ter sido escalado como o ícone do blues em um próximo filme.

“Somos oficiais”, escreveu ele. “Começaram os preparativos para um filme no qual terei a honra de interpretar o grande BB King. Honrado.”

Dias depois, o ator explicou que “The Thrill Is On” não será o filme biográfico oficial do músico.

“The Estate of BB King solicitou que eu esclareça que o filme ‘The Thrill Is On’ não é um filme biográfico no sentido tradicional” , disse ele online . “É uma versão dramatizada de uma história de amizade da vida real no espírito do filme ‘Round Midnight.”

O espólio de King produzirá o filme biográfico, mas não se envolverá com “Thrill”. A propriedade não desaprova o filme, no entanto.

Benford disse que Pierce foi considerado para interpretar King no filme, assim como a estrela de “Saturday Night Live” Kenan Thompson. Além disso, um diretor importante está em negociações para comandar.

“Queremos deixar claro que o filme anunciado por Pierce não é um filme biográfico, já que há vários atores importantes envolvidos no novo filme biográfico de BB King e o espólio não quer que haja qualquer confusão quanto à natureza de cada projeto separado”, Disse Benford ao outlet. 

“Um é um docudrama e o outro é o filme biográfico oficial de BB King aprovado pela administração corporativa da propriedade e do fundo de BB King como parte da iniciativa de legado de BB King.”

REDAÇÃO LED FM

Roger Waters manda recado para povo chileno hora antes de plebiscito

O co-fundador, ex-vocalista e baixista do Pink Floyd, Roger Waters compartilhou uma mensagem de vídeo significativa para apoiar o povo do Chile na véspera da ocasião importante de um referendo nacional e falou espanhol para eles.

Como você deve saber, o lendário músico britânico, Roger Waters, é uma das figuras principais mais sensatas nas redes sociais sobre política e injustiça social em todo o mundo. Há pouco tempo, ele twittou para apoiar o talentoso ator Mark Ruffalo  sobre a questão de Isreal .

Mais recentemente, Waters defendeu o povo do Chile, que foi reprimido e temido durante os anos Pinochet . Roger Waters convocou seus seguidores do Chile em sua própria língua e os convidou a votar e mudar a história.

Na legenda de sua mensagem de vídeo política, Waters disse que o povo chileno está às vésperas da importante ocasião para substituir a Antiga Constituição, imposta pelo ditador Pinochet, por uma Nova Constituição aprovada pelo povo.

O  plebiscito nacional chileno de 2020 , que surgiu como uma resposta aos protestos chilenos de 2019, está programado para ser realizado no Chile em 25 de outubro de 2020. O referendo de domingo pode significar o fim da constituição de 1980 que permitiu a privatização florescer e levou a uma ampla desigualdade .

O referendo planejado determinará se uma nova constituição será redigida, e se ela será redigida por uma convenção constitucional, composta por membros eleitos diretamente para esta convenção, ou uma convenção constitucional mista, dividida em metades por membros atualmente em exercício de Parlamento e cidadãos eleitos diretamente .

Uma segunda votação, que será realizada juntamente com as eleições municipais e para governador em 11 de abril de 2021, elegerá os membros da convenção constitucional. Uma terceira votação, que deve ocorrer em 2022 , aceitaria ou rejeitaria a nova constituição após sua redação.

Aqui está o que foi dito no recente tweet de Roger Waters:

 

“ Uma mensagem de Roger ao povo do Chile nas vésperas da importante ocasião de um Referendo Nacional para substituir a Antiga Constituição, que foi imposta pelo ditador Pinochet , por uma Nova Constituição aprovada pelo Povo. Love R. ”

 

Você pode ver o tweet abaixo.

 

REDAÇÃO LED FM

Mark Hoppus confirma que o Green Day inspirou a introdução de ‘What’s My Age Again?’ Do Blink-182

Mark Hoppus confirmou que o Green Day inspirou o riff de abertura da música ‘What’s My Age Again?’ Do Blink-182.

O baixista estava falando com o co-frontman do Less Than Jake , Chris Demakes, no último episódio de seu Chris Demakes A Podcast sobre a origem da faixa tão amada, que apareceu no álbum de 1999 do Blink ‘Enema of the State’.

Hoppus disse que com ‘What’s My Age Again?‘, que ele escreveu com o ex-frontman do Blink, Tom DeLonge, ele “estava apenas escrevendo uma música engraçada” e que se inspirou na faixa ‘JAR’ do Green Day ao escrever seu riff de abertura.

 

“Há uma canção do Green Day chamada ‘JAR’ na trilha sonora de Angus [filme de 1995] , e ela começa com uma introdução de baixo que é realmente incrível”, disse Hoppus. “Eu estava mexendo na guitarra tentando aprender isso. Eu meio que baguncei a progressão e toquei incorretamente, e eu pensei: ‘Oh, isso é legal …’ ”

“Essa foi a base para o riff de abertura de [‘What’s My Age Again?’]: Eu tentando aprender a tocar ‘JAR’ na guitarra e bagunçando tudo, e inventando algo que eu gostei que fosse diferente do que isso . ”

 

‘JAR’ foi escrita por Green Day durante as sessões de ‘Dookie’ , mas só foi lançada pela banda em sua coleção de maiores sucessos de 2001 ‘International Superhits!’

No início deste mês, o Green Day compartilhou imagens de arquivo de sua turnê européia de 1996 para comemorar 25 anos desde o lançamento de seu álbum ‘Insomniac’.

 

REDAÇÃO LED FM

Metal Sucks recria capas de álbuns clássicos com personagens de Batman

Não estamos entrando em uma discussão sobre qual super-herói é mais metal (embora seja o Homem de Ferro, dã), mas Batman tem que estar lá perto do topo.

Para provar isso, os gênios do Metal Sucks pegaram um monte de personagens do Batman e os jogaram nas capas de álbuns de metal clássico.

Eles parecem legais pra caramba, como The Joker como Eddie no álbum “Killers” do Iron Maiden ,e isso é tão óbvio, você deve se perguntar por que ninguém fez a conexão antes. Mulher-Gato como Murray, o demônio do álbum “Holy Diver” do mestre Dio, Duas Caras como Lady Justice do Metallica, na capa do álbum “And Justice For All…”, Pinguim como o “velho gordo” mastigador de charutos em Warrant’s “Dirty Rotten Filthy Stinking Rich” e Scarecrow, o espantalho do Avantasia’s,

 

Você pode conferir essas belezas abaixo: 

 

REDAÇÃO LED FM

Miley Cyrus está gravando um álbum de covers do Metallica

Nós já checamos a data e não é 1 de Abril. Miley Cyrus está gravando um álbum de covers do Metallica.

A cantora de “Wrecking Ball” lançou esta bomba durante uma conversa com a revista Interview. Perguntada sobre o estava tramando pela frente, respondeu: “Estamos trabalhando num álbum de covers dos Metallica e eu estou aqui para trabalhar nisso. Temos tanta sorte em poder continuar a trabalhar na nossa arte durante tudo isto. No início, me pareceu um pouco inspirador e agora fiquei totalmente inflamada”.

Depois de termos recolhido os pedaços de cérebro que tinham derretido dos ouvidos depois de ouvir esta notícia e de os enfiarmos de volta nos nossos crânios, percebemos que na verdade não é uma ideia tão louca como parece.

A Miley é um bocadinho roqueira no silêncio. Ela já fez um cover de “Nothing Else Matters” dos Metallica, e entregou uma versão estelar do supergrupo grunge Temple Of The Dog “Say Hello 2 Heaven” no espectáculo de tributo a Chris Cornell do ano passado, um espectáculo que deixou o Lars Ulrich “atordoado”, que normalmente não se perde por palavras.

E não temos a menor ideia de quais as canções que ela está planejando gravar. Enter Sandman? Dyer’s Eve? Metal Militia? Mas por favor, Miley, pelo amor de Lars Ulrich, deixe St. Anger em paz.

 

 

REDAÇÃO LED FM

Tony Lewis, vocalista e baixista do The Outfield, morre aos 62 anos

Tony Lewis, o baixista e vocalista do Outfield que marcou os anos oitenta com “Your Love”, morreu. Ele tinha 62 anos.

A morte de Lewis foi anunciada no seu website e nas páginas das redes sociais. Não foi dada uma data ou causa de morte, embora a nota dissesse que ele morreu “inesperadamente”. E continuou: “Era uma bela alma que tocou tantas vidas com o seu amor, o seu espírito, e a sua música. Ele amava muito os seus fãs e desfrutou de todas as oportunidades que teve ao conhecer a todos. Por favor, respeitem a privacidade da família durante este momento difícil”.

Por uma biografia no seu website, Lewis nasceu e cresceu no East End de Londres, e ficou apaixonado pela música depois de ouvir os Beatles na rádio quando tinha nove anos de idade. Enquanto estava na escola, Lewis ligou-se ao baterista Alan Jackman, e vários anos mais tarde puseram um anúncio num jornal musical londrino à procura de um guitarrista e conheceram John Spinks.

A primeira banda do trio era um grupo de música prog chamada Syrius B, mas não durou muito tempo, especialmente depois de o punk se ter instalado em meados dos anos setenta. Após vários anos de concertos separados, Lewis, Spinks e Jackman reuniram-se, desta vez dublando-se os Baseball Boys (depois de um dos gangs de rua do clássico cult The Warriors). Gravaram algumas demos, fizeram digressões regulares e em 1984 tinham conseguido um contrato recorde e mudaram o seu nome para Outfield.

O primeiro single do Outfield “Say It Isn’t So” foi um sucesso sólido nos EUA, mas o seu seguimento “Your Love”, foi um Top 10, atingindo o pico no número seis no Hot 100 da Billboard. A faixa impulsionou o álbum de estreia do Outfield de 1985, Play Deep para número nove, enquanto a banda obteve êxitos de rádio adicionais com “All the Love e “Everytime You Cry”.

Embora os Outfield nunca tenham produzido outra canção tão grande como “Your Love”, eles deram um passo importante em rádios rock durante o resto da década com canções como “Since You’ve Been Gone”, “Voices of Babylon” e “For You”. Enquanto Jackman deixou a banda depois das Voices of Babylon de 1989, Lewis e Spinks continuaram a lançar álbuns numa base bastante regular durante os anos noventa e início dos anos 2000. Em 2009, reuniram-se com Jackman e dois anos mais tarde lançaram o que viria a ser o álbum de estúdio final do Outfield, Replay.

Após a morte de Spinks em 2014, Lewis fez uma pausa na música, mas acabou por encontrar uma nova centelha criativa com a ajuda da sua esposa, Carol. O resultado dos seus esforços de colaboração na composição musical foi o álbum solo de estreia de Lewis, Out of the Darkness, que foi lançado em 2018.

 

REDAÇÃO LED FM

Slipknot anuncia venda de máscaras dos integrantes

Você já imaginou ser um membro do Slipknot e vestir aquelas máscaras horripilantes? Então chegou sua hora, quer dizer, mais ou menos.

A banda acaba de disponibilizar em seu site oficial réplicas das icônicas máscaras usadas pelos membros da banda, desde a mais simples, que é o caso a do Dj Sid, ou até a mais “doentia”, que é a do integrante Craig, que vem inclusive com “espinhos”, que na verdade são “canudos removíveis” segundo a descrição do produto.

Os preços acabam variando de acordo com cada máscara, mas a mais comum está em torno de US$ 35 (cerca de R$200), e mais cara é exatamente a de Craig, saindo por US$ 55 (cerca de R$ 310). Infelizmente, a chegada dos produtos não é garantida até o Halloween nem mesmo lá nos Estados Unidos, então não recomendamos depender delas para montar sua fantasia deste ano.

De qualquer forma, você pode ver um vídeo de divulgação da banda logo a seguir, e pode conferir a coleção completa por este link, onde também há opções de desenhos que são adequados para a proteção do Coronavírus.

 

REDAÇÃO LED FM

title_goes_here