Estados Unidos focam em novos esforços para investigar OVNIs

A formação da força-tarefa segue a divulgação de um relatório de junho

Estados Unidos focam em novos esforços para investigar OVNIs

Por: Olhar Digital

O Pentágono, nos Estados Unidos, estabeleceu um novo grupo para investigar os relatos de pessoas que dizem terem visto OVNIs. O Grupo de Identificação e Sincronização de Gerenciamento de Objetos Aerotransportados (AOIMSG) será uma nova força-tarefa da Marinha do país para análise de “Fenômenos Aéreos Não Identificados”.

De acordo com o Departamento de Defesa, “AOIMSG sincronizará esforços em todo o Departamento e no governo mais amplo dos EUA para detectar, identificar e atribuir objetos de interesse em Espaço Aéreo de Uso Especial (SUA) e para avaliar e mitigar quaisquer ameaças associadas à segurança de voo e nacional”.

A formação da força-tarefa segue a divulgação de um relatório em junho em que o Gabinete do Diretor de Inteligência Nacional (ODNI) analisou 144 relatos de “fenômeno aéreo não identificado”. Apenas em um caso os funcionários foram capazes de determinar o que causou o avistamento. 

Para todos os outros incidentes detalhados nesse relatório, a ODNI disse que havia muito poucos dados para concluir o que aconteceu. Para que o governo dos EUA tenha alguma chance de entender melhor o fenômeno, a ODNI disse que precisaria implantar mais recursos e uma abordagem padronizada entre várias agências. 

Por mais que ainda não haja nenhuma evidência de vida extraterrestre comprovada cientificamente, isso não quer dizer que não devemos estar preparados para o dia em que isso possa mudar. Até porque muitos cientistas – e pessoas – acreditam que ela existe.

Mas o que fazer ao encontrá-la? Bom, de acordo com a Nasa, precisamos estar preparados. Em um novo artigo científico, liderado pelo cientista da agência, James Green, uma equipe de pesquisadores da Nasa explica o motivo de precisarmos estabelecer uma estrutura para relatar evidências de alienígenas.
 

Estados Unidos focam em novos esforços para investigar alienígenas (olhardigital.com.br)