O líder do Savatage, Jon Oliva, é preso por posse de cocaína e DUI

Oliva envolveu-se em um acidente de carro antes de ser preso

O líder do Savatage, Jon Oliva, é preso por posse de cocaína e DUI

O vocalista do Savatage e da Trans-Siberian Orchestra, Jon Oliva, foi preso esta semana e acusado de dirigir sob influência (DUI) e posse ilegal de cocaína.

De acordo com um relatório de prisão da Patrulha Rodoviária da Flórida, a polícia e a EMS responderam a um único acidente de veículo na Rodovia 41 dos EUA pouco antes da 1:00 da manhã (hora local na quinta-feira, 30 de setembro), no condado de Pasco, Flórida. Testemunhas disseram à polícia que a caminhonete de Oliva tinha desviado para a pista errada antes de sair da estrada e bater em uma árvore. A força do acidente arrancou a porta do lado do passageiro do caminhão.

Ao revistarem o veículo, os policiais encontraram garrafas vazias de vodca e um saco de cocaína. Um segundo saco de cocaína foi encontrado em uma bolsa pertencente a Oliva.

Oliva foi atendido no local por paramédicos, mas após desmaiar foi levado para um hospital próximo. Falando com os policiais, Oliva admitiu ter bebido alguns sucos de laranja e vodcas. Ele também disse que a cocaína foi dada a ele por um amigo no seu aniversário, e que ele "estava se despedindo dela".

Ele foi posteriormente autuado e acusado de posse de substância controlada e DUI, que é uma contravenção. Ele foi solto depois de pagar fiança de 13.500 dólares.