Tony Iommi fala sobre possível reunião do Black Sabbath

'Acredito que seja muito improvável que voltemos ao palco', disse o músico.

Tony Iommi fala sobre possível reunião do Black Sabbath
Foto: Adam Bielawski

Tony Iommi, guitarrista e fundador do Black Sabbath, concedeu uma entrevista ao jornalista Jim Harrington, do jornal The Mercury News. O músico comentou, dentre diversos assuntos, a possibilidade de uma reunião do Black Sabbath com Osbourne nos vocais, Geezer Butler no baixo e Bill Ward na bateria.

Ao ser questionado se existe alguma chance do Sabbath sair em turnê novamente, o músico respondeu: ‘’Acredito que seja muito improvável que voltemos ao palco. Certamente não seria uma turnê. Faríamos apenas alguns shows, se é que faríamos alguma coisa. Eu gostaria de tocar com os caras de novo, mas não vejo isso acontecendo”, afirmou Tony.

O guitarrista falou que o grupo parou de fazer turnês por conta de seu estado de saúde. "A razão pela qual paramos de fazer turnê foi basicamente minha culpa, porque eu tive que cuidar da minha saúde. Quando você marca uma turnê - e é sempre uma turnê de 18 meses - não parece muita coisa no início. No entanto, quando você está lá, em turnê, torna-se um trabalho muito difícil", disse Tony. 

"Não foi particularmente bom para minha saúde, por causa do linfoma. Então, eu disse: 'Olha, essa deve ser a última turnê'. Mas eu realmente sinto falta. Eu realmente sinto falta de tocar no palco. Tenho saudades de ver o público", comentou o guitarrista.

O último show da turnê The End Tour foi relizado no dia 04 de Fevereiro de 2017. O Sabbath se apresentou em Birmingham e encerrou carreira na cidade onde tudo começou.